Domingo, 5 de Fevereiro de 2006

abraça-me...

emocoes fortes.jpg



Antes que amanheça abraça-me
Antes que o dia desperte aperta-me nos teus braços
E faz do momento uma eternidade…

Antes que amanheça e tenhas que partir
Envolve-me no calor dos teus braços
Sorri-me num sorriso rasgado
Que me afaste da tristeza e da solidão

Antes que amanheça e a realidade desperte
Deixa o teu cheiro e o teu calor no meu corpo
Faz-me sentir protegida amada e desejada

Antes que amanheça e o dia clareie
E a rotina se instale dá –me a tua mão
E vamos apreciar o luar
E sonhar com o Infinito …
E mais além!

Antes que amanheça e tenhas que partir
Abraça-me e não digas nada
Olha-me apenas no silêncio da noite
Não deixes que o frio se instale!

Antes que amanheça e a noite se despeça
Abraça -me como se fosse a primeira vez
Deixa-me contornar o teu rosto
O teu sorriso a tua alegria
e guardá-las até ao teu regresso!

Antes que amanheça abraça-me apenas
Para eu não sentir que vais partir…
E sem palavras apenas num abraço
Esperemos o amanhecer…

Abraça-me apenas…

pensadora
publicado por pensadora2 às 21:40
link do post | comentar | favorito
|
14 comentários:
De Anónimo a 7 de Fevereiro de 2006 às 20:32
Que bonito abraço, Paula
Já tinha saudades de te ler.Um grande beijoHataMae
(http://www.djoliveirinha.blogspot.com)
(mailto:maoliveira50@hotmail.com)


De Anónimo a 7 de Fevereiro de 2006 às 15:13
simplesmente lindas as tuas palavras...mto mto envolventes....parabens.....
beijuuuuuuuuuuuuuPequenita
(http://www.pequenita.blogs.sapo.pt)
(mailto:pequenita4@sapo.pt)


De Anónimo a 7 de Fevereiro de 2006 às 14:33
Aceita este carinhoso abraço...na leitura de um poema que dá vontade de mimar nos braços de alguém.Ana Luar
(http://aromademulher.blogs.sapo.pt/)
(mailto:luar_zita@msn.com)


De Anónimo a 7 de Fevereiro de 2006 às 13:22
Um abraço.Maria do Céu Costa
(http://www.adireccaodovoo.blogspot.com)
(mailto:mariaceucosta@sapo.pt)


De Anónimo a 7 de Fevereiro de 2006 às 06:21
O poder de um abraço pode comparar-se ao de um arco iris: pode nao dar calor, mas dá cor a dias cinzentos :o)Nekynho
(http://www.nekynho.blogspot.com)
(mailto:nekynho@gmail.com)


De Anónimo a 6 de Fevereiro de 2006 às 23:40
...se pudessémos parar o tempo num abraço...se eu conseguisse esquecer o momento desse abraço...o momento dos murmurados amo-te de lábios nos lábios perdidos num abraço...Fizeste-me recordar ...Um beijoLeonor
</a>
(mailto:leonorcalves@sapo.pt)


De Anónimo a 6 de Fevereiro de 2006 às 20:47
fizeste-me chorar, nao leves a mal, mas muitas vezes me senti assim!
o poema está lindo!
beijinho!Andreia
(http://www.andreiacatlicious.blogspot.com)
(mailto:catlicious_21@hotmail.com)


De Anónimo a 6 de Fevereiro de 2006 às 20:36
Amiga..de facto ..cada dia que passa estás mais surpreendente. Obrigado por andares por aí. Aqui vai um poemazito singelo para completar a tua sinfonia de Amor....rss

"Antes que amanheça... sorri sem disfarçar...
Deslumbra-me com o teu Corpo Fulminante
Ama-me com teu Carinho de Encantar...
Ofusca-me desta tristeza Pensante."

Continua assim...Beijosjulio
</a>
(mailto:jjbbranco@sapo.pt)


De Anónimo a 6 de Fevereiro de 2006 às 16:04
Fizeste-nos sentir esse abraço de que falas. Muito bonito. Um beijo na alma.Maggie
(http://undressmysoul.blogs.sapo.pt)
(mailto:undressed@sapo.pt)


De Anónimo a 6 de Fevereiro de 2006 às 14:16
Pensadora...Lindo poema!Sentir um abraço é maravilhoso! Ter alguém que nos abrace é felicidade! Um abraço muito forte.silhado
</a>
(mailto:silhado@hotmail.com)


Comentar post